Lua de mel: Dia de ver o Papa - Dia 8

Olá, meninas e meninos!
Tudo bem?

Quarta é dia de Papa!!! Toda quarta ele faz uma aparição e resolvemos tentar vê-lo mais de pertinho. Não precisa pagar, mas nos falaram que tinha que chegar cedo pra conseguir entrar e conseguir um lugar bom. Fomos mais uma vez a pé e praticamente correndo pra gente não perder a chance de entrar. Chegando lá, pra entrar na praça tem uma vistoria como a de um aeroporto.  Tirar todos os objetos metálicos, casacos pesados e colocar numa esteirinha pra passar pelo raio-x enquanto você passa no detector de metais.  Depois foi só correr pra conseguir um lugar bom! Nem acreditei que seria tão fácil. Conseguimos um lugar na lateral quase colado na grade. Tinha pouca gente na nossa frente, então daria pra ver vem se ele passasse de papa móvel por ali. Tem também vários telões na praça transmitindo toda cerimônia pra quem não conseguiu ficar bem localizado.

Ficamos ali paradinhos (debaixo do sol. E que sol!) esperando e em torno de 9:30 o Papa começou a rodar de papa móvel. Enquanto ele se aproximava o nervosismo e a ansiedade aumentavam. E olha que não sou a maior das católicas, mas foi muito emocionante! #confessoquechorei Muito lindo ver aquela pessoinha tão iluminada e tão humilde passando ali no meio da gente com aquele sorrisão e a maior simpatia. Quando ele passava o povo gritava, ele acenava. Sensação indescritível!!! Ele deu duas voltasss, gente! Quase morri quando ele passou de novo! Só por aquilo já valeu a pena.

Às quartas, o Papa dá uma bênção para os recém-casados, mas pra isso fiquei sabendo que tem que solicitar com antecedência e tal e não me aprofundei assunto, mas parece que tem que ir vestido" a caráter". Tinham vários casais vestidos de noivos mesmo, vestidão e tudo!

O evento é muito legal! O papa lê um sermão e padres lêem o mesmo em várias línguas. Amamos ouvir alguém falando português lá, mesmo que o português tenha sido de Portugal. Tinha representantes de quase todas as línguas, eu acho. Ah! Mais uma coisa! Muitos grupos também levam bandeiras dos seus países. Uma energia muito boa! Deixamos para visitar a Basílica São Pedro amanhã, porque nos falaram (e a gente confirmou lá) que quarta a fila pra conhecer a Basílica fica gigante!!! Se a gente ficasse lá seriam pelo menos 2 horas no sol, na fila. Saímos de lá maravilhados, cheios de fotos e vídeos desse dia inesquecível!

De lá almoçamos pizza (nham nham) no primeiro lugar que encontramos (praticamente qualquer lugar que for vai ter pizza boa), seguimos para o Castelo Sant'Angelo e amamos! Vale muito a pena conhecer cada cantinho desse lugar e que vista! Lá de cima você vai conseguir ver grande parte da cidade e tirar fotos lindíssimas!

Depois fomos andar por ruas que ainda não passamos e seguir em direção ao Pantheon e a Fontana di Trevi. Ficamos impressionados com a grandiosidade desses dois pontos turísticos. Não tinha noção de que eram tão imponentes e tão lindos! Os dois estavam super lotados e olha que não era alta temporada. Imagina se fosse! Pra conseguir tirar uma foto legal tinha que esperar muito, mas tudo aqui vale a pena!

Saindo do Pantheon fomos provar o famoso sorvete Giolitti e que decepção!!! A fila para comprar era gigante, o atendimento péssimo, o sorvete nem era lá essas coisas e ninguém que comprou sorvete pode sentar nas mesas. Resumindo: um monte de gente em pé tomando sorvete sem conforto e um monte de mesa vazia. Ridículo!

Depois disso voltamos andando, passamos em um supermercado (o supermercado aqui é o paraíso! Tudo delicia!) e compramos vários quitutes e guloseimas para nosso jantarzinho no hotel!

Amanhã tem mais!














 





























*Este post foi publicado depois que chegamos no Brasil.
**Este post não se trata de um guia de viagem, é apenas um relato da nossa experiência com dicas de lugares e passeios que gostamos!

Um comentário:

ADD THIS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Tititi & Trelelê © | Projeto desenvolvido por Inlovely Creative | Todos os direitos reservados | Melhor Visualização no Google Chrome